terça-feira, julho 01, 2008

Temos pena.

E de repente, não mais que de repente, eis que hoje pipoca no meu telemóvel a seguinte mensagem: "Vi-te no outro dia, nas Amoreiras, com um tipo que não conheço. Sabes, tenho saudades tuas”. É, amigos… a relatividade é o único fenómeno absoluto.

30 comentários:

anonimo disse...

bom , eu só não te vi nas Amoreiras...
beijoca

Catarina disse...

Hmmm E as saudades uma bela de uma conversa a desfiar... Yeap, temos pena.

Eduardo Lara Alves disse...

Não te vi mas gostava relativamente :) E como é ter saudades de alguém que não conheces?

Anna^ disse...

As saudades que pode provocar um tipo que não se conhece. ;)

Princesinha disse...

adorei o teu blog

parabens

bjnhs

passa no meu ;)

pp disse...

LOOOOOOOOL...é o que dá ser bonita e maravilhosa...resmas....paletes

Olha eu, contrario desse magano, nem nas amoreiras com amigos nem sem amigos, em lugar algum. :P

Beijo

Ana Sousa disse...

São tão anormaizitos, não são?

....

Luísa disse...

Gostei do "pipoca no meu telemóvel".
;)

Bj

ariana luna disse...

Rosita,
É o que faz o amor!...

[andas com aquela luz e aquele sorriso idiota e eles caem que nem tordos!]

beijo grande

Patrícia disse...

pipoca no telemóvel dele:

É a viding......

;) Beijos

sonia disse...

Oh mas que azar o dele...fiquei cà com uma peninha...hehehehe

Boa como o milho, linda, maravilhosa e feliz!
Assim é que é!

Sandrina disse...

É sempre assim ... mas é melhor inventarem umas deixas melhores que essas já estao ultrapassadas

Tita disse...

ui ciuminho.. azar!!!

Pi disse...

TEMOS MESMO MUITA PENA!!!

"Continuarmos" chateia os outros, por vezes!

Continua...

;) bj

LopesCa disse...

Saudades... mas remotas para ser via sms ;)

the extremist disse...

envio-lhe o meu CV?

Cláudia, Pimpo & Pimpa disse...

É preciso estarmos acompanhadas para se lembrarem... Tristeza!

O teu pipoca/o meu avaria. lol

Bjs Cláudia

Robin K disse...

Ora. Aí é que está o caldo entornado. É quando aparece o "gajo" que não se conhece. Ui Ui....

Robin K

yulunga disse...

Absoluto é o bem que estes fenómenos fazem ao nosso ego.

cj disse...

O pensamento que pipoca no meu cérebro é:

Que sorte tem o " (..) tipo que não conheço".


Do outro é mesmo ter pena. :)


Beijinho.

Sorrisos em Alta disse...

E tu, ao menos, conhecias o tipo das Amoreiras?
,O)))

Ana Raquel disse...

Como diz a outra...: EU SÓ LAMENTO!

andorinha disse...

Tadito do tipo que tem saudades tuas:)

Beijinhos.

Phil disse...

Não temos pena nenhuma! :P

Marisa disse...

Olha, grande lata!!!

Daniel Aladiah disse...

E não é verdade? :)
Um beijo
Daniel

margarida disse...

As saudades são mto bonitas ma so que vale mesmo é dar valor ao que se tem, qnd se tem!

Pedro de Payalvo disse...

são pipocas que resvalam quando estamos bem...

a mim, também me têm aparecido umas pipocas, não só no tlm, e também resvalam, mas eu ainda não tenho a sorte de ser visto com ELA...

aproveita e disfruta de tudo o que te faz bem e feliz, não penses em mais nada...

beijos Rosinha

Dina disse...

Soa-me a dor de cotovelo...mas isso é relativo.:)

(n)Ana disse...

pffff!! todos iguais!!
(o que tb é relativo, né?)

beijos