quarta-feira, janeiro 06, 2010

Do passado

Os dias que gostávamos de esquecer nunca deviam calhar assim, numa data de alguma forma significativa, que nos impede – exactamente - de os esquecer. É por isso que, mesmo depois de eu ter já vivido muitas outras vidas, o Dia de Reis continua com o condão de me transportar alguns anos atrás no tempo. Nesse Dia de Reis de há uns anos, descobri que o amor não só é cego, como é também muito estúpido. Doeu muito, durante muito tempo. Depois passou. Tu passaste. Ainda assim, há alturas em que não te perdoo teres-me roubado o conto de fadas.

23 comentários:

Sofia B. disse...

De alguém q tb viu o seu conto de fadas ir pelos ares: como eu a compreendo!!

Pedro de Payalvo disse...

os contos de fadas são sempre chatos...
acredita que hoje estás mais sábia, mais rija, e melhor...

Beijo Rosa

...Ju... disse...

alguma vez chegamos a perdoar os trastes que se atrevem a roubar os nossos contos de fadas?

bjinho*

Observador disse...

Não sou adepto da monarquia.

Porque será?

:)

BlueAngel disse...

Como te compreendo. Pena de morte para quem nos rouba o conto de fadas. beijocas

Xana disse...

Mas ficaste com os olhos mais abertos. E mais sábia, como diz o Pedro de Payalvo. Beijo.

Madalena disse...

a capacidade de voltar a sonhar só depende de nós.. :)))

beijinho, ÓPTIMO ano :))

Carlos disse...

Isso também funciona ao contrário, e deste-me uma ideia muito gira.

im disse...

Dias que mudam tudo...datas...

Beijos

Kiau Liang disse...

e é mesmo uma porcaria, porque não passa mesmo...

Miudaaa disse...

Há momentos nas nossas vidas que ficam para todo o sempre. "alguem" dentro de nós tem o dom de fazer essa avaliação :)))

Um Beijo da miudaaa e um BOMMM ano de 2010.

ariana luna disse...

O conto de fadas, o amor intocável, a ilusão de que o mundo era vosso, a vida leve e plena de esperança.

Tudo passa Rosita.
E como disse o Pedro "hoje estás mais sábia", embora nunca devas perder o encanto de um novo amor nem as memórias felizes dos amores que já terminaram.

um beijinho

wings disse...

Estás feliz. E isso é que conta.
Um beijo, boneca.

yulunga disse...

Rosita
Se há uma coisa grandiosa que temos dentro de nós é uma fábrica mágica de sonhos; quando um nos é "roubado" surgem logo dois ou três muito maiores.
Bom 2010.

Daniel Aladiah disse...

Querida Rosa
Há contos de fadas que não são partilhados... e, vai daí, às vezes, passamos para a história ao lado...
Um beijo
Daniel

Tite disse...

Oooops!!!!

Os dias maus nunca deveriam estar associados a dias felizes do calendário. Ficam sem sabor, sem... alegria.
Apetece arrancar essas folhas e passar por cima, né?

Abraços solidários

LopesCa disse...

Compreendo perfeitamente... infelizmente ;)

pp disse...

Um beijinho

Lu.a disse...

Se conheceres alguém a quem não foi roubado o conto de fadas diz-me. Gostava de conhecer pessoa tão sortuda... :)

Rosa disse...

Lu.a,
Conheço muita gente, sim. Felizmente :)

Susaninha disse...

:):):):)
SUUUUUUrrisinhos aos molhos para ti:)

espertinha disse...

22 de Maio. Uma lágrima de um lado e um sorriso do outro.

Jo disse...

És tu com os reis e eu com o dia das mentiras que se avizinha...