quarta-feira, janeiro 23, 2008

Como diz que disse?

Em minha casa, uma amiga olhava em redor e perguntava por que é que não tinha plantas. Respondi que já tinha tentado, mas morriam todas.
“Distraída como tu és, provavelmente não as regas”, foi o comentário (eu mereço, eu mereço…).
“Nada disso, sou distraída mas não quando tenho seres vivos ao meu cuidado. Não vês que até comprei livros para saber tratar delas? Regava-as, aparava-as, dava-lhes suplementos vitamínicos, mudava-lhes a terra quando estava na altura… Não obstante, num ano matei cinco bonsai e três violetas”, defendi-me.
“Mas falas com elas?”
“Ãh?”
“Tens que falar com elas.”
“Com as plantas?!”
“Claro.”
Eu não sei quanto a vocês, mas a mim parece-me que, se começar a falar com as plantas, de seguida vou tentar convencer a televisão a mudar de canal com base em argumentos como a qualidade da programação. Nã… Moro demasiado perto do Júlio de Matos para arriscar.

34 comentários:

Luazinha disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Luazinha disse...

Bonsai e violetas?? Tu tb apostas em plantas dificeis de cuidar...
Tens de optar por outras mais faceis de manter e q n tens de ter tantas mariquices...é só regar e está a andar...
Eu acho q deves ter umas qtas em casa...é um mini-pulmão q nos purifica o nosso cantinho!
Kiss

Belzebu disse...

Tens que conversar com elas, mas toma atenção que não pode ser sobre novelas da TVI, pois então é que elas definham num instantinho. Tenta falar sobre a crise no mercado bolsista!
Essa tua amiga por acaso não toma as gotas todos os dias?
ehehe!! Aquele abraço infernal!

Xinha disse...

A minha bisavó também dizia (e fazia!)a mesma coisa..Mas como era velhota davam-lhe o desconto:)
Se fosse a ti dedicava-me aos cactos! Ah, e tentava convencer a amiga a arranjar um passatempozinho.. que não envolvesse plantas pois claro!

Miguel disse...

Olá,
...atitude sensata, falar com plantas pode ser um indicador preocupante.
Mas já pensaste em ter cactos?
Não precisam de água, adoram o sol mas também a sombra, com a vantagem de falarem mexicano.

Luísa disse...

Vinha eu toda contente com uma sugestão quando vejo que já a deram lol Era arranjares um cacto, provavelmente não iria morrer assim tão cedo.

Falar com as plantas?! Não te riste quando ela sugeriu isso? lol

Inútil disse...

Podes começar por lhes dar nomes. E depois que tal comentar as notícias com elas? "Então Hortênsia, o que tens a dizer quanto à situação no Darfur?" e por aí fora. É sempre melhor que conversas banais.

Patrícia disse...

Pois, isso de falar com plantas também não é para mim... gosto pouco de falar sozinha, e as gajas nunca me respondem!

htsousa disse...

Falar com plantas? Essa é nova!

Nita disse...

Bem vinda ao clube! Já desisti de tentar "criar" bonsais! (Mas falar com eles tb não, já sou considerada maluca que chegue :P)

Mary disse...

Pois é, na minha casa a não ser cactos, tudo o resto também não dura muito tempo, secalhar é porque também não falo com elas ( as plantas, tá claro)...ehehhe :)
Olha diz a ela --" poupa-me!!!"--

Beijocas
Isa

Xana disse...

É só mesmo o que te falta para o internamento: falar com as plantas! :))))

Cromossoma X disse...

Rosa, eu sei que parece estupido mas quando falo com as minhas celulas em cultura elas dividem-se mais rapidamente - sei que isto acontece porque enquanto falo com elas acalmo-me e trato-as com toda a atencao do mundo, dou-lhes mais carinho, concentro-me nelas. Se reparares, as pessoas que falam sozinhas sao (geralmente) as pessoas mais inteligentes/capazes. Porque libertam verbalmente a tensao que acumulada. E' um facto!!! :)
portanto, fala com elas!!!

Ha, contudo, outra coisa que queria partilhar contigo;
Quando era pequenina queria ter as minha plantas mas elas acabavam sempre por morrer...nao percebia e um dia perguntei a' minha mae que me respondeu: So vais ter plantas quando fores capaz de as tratar com carinho e dedicacao, como quem cuida de um amor, dar-lhe muitos mimos...por isso, so quando fores capaz de dar verdadeira atencao a alguem especial coneguiras ter flores bonitas...

wings disse...

Boneca, tu és mulher para isso (falar com plantas e televisões) e muito mais! :o)

Pólvora disse...

Lol! ...julgo ser então melhor deixar de falar com o meu cão tb!

Marisa disse...

Falar com as plantas? Humm, é interessante. Espero bem que elas não respondam, porque se responderem temos um problema grave :P

z... disse...

olá! Quero dar os parabéns pelo blog, desde que o descobri que fiquei viciada! Hoje vim para dizer que na minha casa da faculdade tinha um bonsai, estava no centro da mesa da cozinha e andava de um lado para o outro conforme nós fazíamos/preparávamos as refeições e éramos 6!! nunca mudamos a terra, nunca aparamos, nunca demos suplementos, o único aditivo era o fumo do tabaco... enfim, ele estava verdinho e lindo, até às ferias de verão em que foi para casa da mãe de um amigo que cuidou dele e morreu em 15 dias…

Aventureiros disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Pi disse...

Eu não tenho tempo para plantas... É uma pena! Quando era miúda era eu que cuidava das plantas em casa... (E em abono da verdade - adoro esta expressão - tinha muito jeito!) Como tal sempre imaginei ter (um dia) a minha casa cheia delas. A realidade nunca é como queremos ou então esse dia não chegou.

Mas de facto quando era miúda tb falava com elas :S Seria da idade? Não sei. Sei que eram bonitas e que as vizinhas as cobiçavam à minha mãe;)

Dina disse...

Ia acordando o pessoal cá em casa com a gargalhada que dei...
Eu tenho muitas e não falo com elas mas não é por essa razão que elas deixam de crescer.

anamoris disse...

É um argumento muito utilizado por pessoas que conseguem que as plantas sobrevivam. Eu também não consigo deve ser uma malapata. A sério que experimentei falar, acariciar, regar, limpar as folhas, mas elas comigo acabam sempre por morrer.
Enfim...

Graça disse...

Acho que nesta altura do campeonato, até as pessoas que estão numa cadeira de rodas conseguem lenvantar-se para desligar a tv.

Beijo

Peter Mary disse...

Sei por experiencia que ha plantas com conversas mais interessantes que algumas pessoas ;) ou são só a vozes na minha cabeça? Às vezes baralho-me

elisa disse...

euhhh...por acaso...assim,mesmo só por acaso, já tive grandes conversas com um manjericão. Mas fui de férias e quando voltei, tinha morrido:( saudades das nossas conversas, com certeza lol
Beijocas Rosa

Minerva McGonagall disse...

escolheste logo duas plantitas manhosas... os bonzai são tramados para manter, e as violetas são estranhas... com algumas pessoas, estão sempre floridas (é o meu caso), com outras, ou morrem ou nunca dão flor.

escolhe outras!

Eduardo Lara Alves disse...

Alguns seres vivos nem com livros :)
Acho que deves começar a falar com alguns :)

...Ju... disse...

ja percebi pq é que nao atino com jardinagem... LOL :P

João Filipe Ferreira disse...

ehehehehe

as plantas falam...o problema é que as deixamos sempre sem resposta com os nossos argumentos ehehehehhehe
beijinhooooooooooo e sorriiiiiiiiiiiii

marcy disse...

eu percebo-te perfeitamente. na minha casa os únicos seres vivos que ainda "respiram" são eu, o meu marido e os meus cactos! ñ tenho o mínimo jeito para plantas e nem os peixinhos do aquário conseguem escapar c vida debaixo do meu tecto...e por muito q falasse c eles (pq falava e eram peixes, ñ plantas!.um bj
p.s-sou fã do teu blog

Carlos Rangel disse...

Não podes é falar com elas na rua! Senão é meio caminho andado para seres internada lá! :)

Isabel disse...

A minha mãe também diz que isso resulta! Eu por mim, aposto nos cactos :)

izzolda disse...

A isabel era a izzolda ;)

Alquimia disse...

Pois a mim parece-me que falar com as plantas não é assim tão insensato. É muito melhor "falar" com as plantas do que com certos seres humanos.

Boa semana!

Mãos de Veludo disse...

epah... eu falo com o computador... é grave??