segunda-feira, abril 16, 2007

Na corda bamba

O que eu queria mesmo saber é como, nesta fase da minha vida em que não tenho tempo para comer, nem para telefonar à família, nem para ver os amigos, consigo arranjar maneira de me chatear contigo! Eu não tenho dúvidas de que nós gostamos um do outro, parece-me é que raramente conseguimos gostar um do outro em simultâneo... É verdade que quanto mais sangrentas são as nossas batalhas, mais apaixonadas são as nossas reconciliações, mas, se é só na raiva que nos conseguimos sincronizar, isso deve querer dizer que algo está errado, não?

25 comentários:

Tita disse...

O melhor das brigas é fazer as pazes :P
Aproveita! :P

BlueAngel disse...

Pode estar ou não, só a vocês cabe decidir isso. De qualquer forma, sempre ouvi dizer que, fazer as pazes é bom!!! Aliás pelas tuas palavras pode deduzir-se que sim. :-) Sei lá, zanga-te muito! :-)Reconcilia-te ainda mais! :-) :-) :-)

sil disse...

Há fases assim...

Aproveita o lado bom (as pazes), vais ver que passa...

florbola disse...

: S

guga disse...

Não há casais "match in heaven" por isso a realidade dói muito mais.

bjs Sandra

Xuinha Foguetão disse...

Eu não sei...

Mas gosto de reconciliações apaixonadas.
Ahahahahahah!

Beijos Rosinha.

Miguel disse...

Para, respira fundo, fecha os olhos e vê.
As nossas opções determinam (por vezes) as consequências.

Eduardo Lara Alves disse...

Errado ou realmente certo que o momento simultâneo não é este. Mas o equilíbrio é mesmo só teu.

joaninha disse...

"parece-me é que raramente conseguimos gostar um do outro em simultâneo..."

ora aí esta! é mesmo isto! como sabias? posso copia la?

boa sorte!

beijinhos

pp disse...

Não obrigatóriamente...:)*

claudia disse...

Ai! Como eu entendo tão bem! Conseguiste traduzir por palavras aquilo que eu já sinto à anos: "...parece-me é que raramente conseguimos gostar um do outro em simultâneo..."!

abox disse...

eu acho que para nos chatearmos com alguém arranjamos sempre um tempinho! hehehe

SC disse...

Com essa falta de tempo, parece-me normal que não esteja a resultar muito bem. Não é necessariamente falta de entendimento... pode muito bem ser falta de disponibilidade, de paciência. Uma relação precisa de imenso espaço e dedicação, principalmente no início. Ou então não...! :)

Xanu disse...

Uma relação dessas acaba por se tornar desgastante para quem a vive, por muito que as reconciliações possam ser apaixonadas agora...
Olhe que sei o que digo!!

João disse...

Estive a dar uma vista de olhos...boa escrita com bom sentido de humor! Quanto ao post, tem calma...lembra-te dos ovos mexidos para o jantar.

Canochinha disse...

Uma boa discussãozinha só faz bem. Mas quando começa a ser uma constante... Não sei se é bom sinal :S

LopesCa disse...

Compreendo-te :|
Que algo está errado ... sim.
Que podem tratar do assunto uma vez que gostam um do outro, também ;)

andorinha disse...

Pois é, miúda, é fácil dar palpites quando se está de fora.
Tu és suficientemente arguta para conseguires ver o que é melhor para ti, para ele, para os dois...:)
Beijinhos

particula-RG disse...

"No pasa nada."

MIN disse...

ahhhhhh....não sei!

Pedro Antunes disse...

"Quanto mais me bates, mais gosto de ti"...

Sandrina disse...

São fases... em que o pouco tempo que tens estás menos paciente ... mas tudo vai melhorar vais ver

beijos

Nuno West disse...

Eu não consigo...

Já o aprendi.

Miss Polka Dots disse...

Há uns tempos vi uma entrevista, que me marcou muito, a um casal casado à cerca de 70 anos,como é óbvio já eram muito velhotes, estavam sentados um ao lado do outro e de mãos dadas. A jornalista perguntou-lhes qual era o segredo para um amor de tantos anos,eles olharam carinhosamente um para o outro e a srª respondeu:
"Nunca estivemos apaixanados um pelo outro ao mesmo tempo."
Dá que pensar...

neva disse...

oi, gostar em simultâneo, acho q isso está ligado ao egoísmo q cada pessoa tem de querer ser mimada. N acredito em relações sem problemas, mas acho que quando uma discussão é recorrente então devemos seriamente pensar no problema e resolver, ou caso contrario há alguém um dia que se farta.

ps. chamou-me à atenção o facto de terem uma imagem do mesmo género que a minha