quarta-feira, novembro 18, 2009

Ainda em choque pós-traumático...

O melhor argumento é sempre o estatístico, sobretudo quando não se tem razão. Um público matematicamente analfabeto tende a temer os números.

8 comentários:

BlueAngel disse...

São todos iguais. Conheço o sentimento. :-(

anónimo disse...

E a sensação de impotência deve ser dura.
Um beijinho e força para todos!

yulunga disse...

Só não acerto no Euro Milhões, até porque volta não volta faço parte de uma qualquer estatística.
O meu momento Euronews:
No comment!

Eduardo Lara Alves disse...

Que melhor justificação para justificar as estatísticas.... Nada como aproveitar um argumento fácil. É preciso Força e vontade, é preciso olhar em frente!

Ana Sousa disse...

Realmente a impotência deve ser o pior de tudo.

resta pensar/esperar que nada acontece por acaso...

Tite disse...

Ou de estatísticas não gosto nada mas sabem uma coisa?

Faço parte de imennnnnsas!!!!!!

Miguel disse...

Olá Rosa,

Quero deixar aqui um abraço de solidariedade a toda a equipa de profissionais que faziam a revista Automagazine.

Um beijo em particular para ti, com o desejo que encontres novos projectos.

As tuas qualidades vão superar este momento menos bom.

Um Beijo,

Sam Seaborn disse...

Com as “novas oportunidades”o “público” continua matematicamente na mesma… mas estatisticamente bem melhor…