quinta-feira, março 19, 2009

Maldade pura ou "apenas" total falta de noção?

Mal pôs o pezinho em África, o Papa disse, alto e bom som, que usar preservativo não ajuda no combate à SIDA. Cerca de duas semanas antes desta declaração altamente humanitária e socialmente responsável do chefe máximo da Igreja, um arcebispo brasileiro tinha excomungado a mãe de uma menina de nove anos que abortou depois de ser violada pelo padrasto, bem como os médicos que efectuaram o procedimento e todos os outros envolvidos no processo. Todos excepto o violador, porque, diz sua santidade no seu português do Brasil, “aborto é pior do que estupro”.
Eu tenho para mim que estes dois acontecimentos tão dignificantes para a Igreja Católica não se sucederam por acaso. Aliás, informadores muito bem posicionados contaram-me já que o Papa se prepara para chamar o tal arcebispo a África e mandá-lo excomungar o vírus da SIDA. Problema resolvido.
Dado que esta é a mesma Igreja que diz que as mulheres devem pensar muito bem antes de casar com muçulmanos, e que os gays vão todos arder no inferno, entre outras coisas igualmente bonitas e respeitadoras, alguém sabe onde é a fila da excomunhão? É que eu também quero.

16 comentários:

Dry-Martini disse...

Mas a menina foi a roma ver o Papa ou ver os carros? :)

XinXin

Sofia disse...

Então combinamos e vamos juntas mais o nosso tachinho de coelho guisado e a bela pinga, que cá para mim vai haver uma graaande fila para a excomunhão...

Cristina disse...

eu só me pergunto porque é que se divulgam as declarações desta criatura...

sonia disse...

Olha sabes...acho que esses também andam numa onda de mete nojo!!Até dão vomitos!
beijinhos

Costinhas disse...

voltaste!


[tu não gostas mesmo de entrar discretamente pois não?! hehehe]

Eduardo Lara Alves disse...

ahhh então foi para Africa que ele foi :) deve ser onde pensa que ligam ao que diz.

Paulo L. disse...

Ainda ontém acerca do mesmo assunto no blog do Pedro Ribeiro escrevi que estas ultimas declarações do papa são no mínimo criminosas. Já não basta a pouca informação que ainda existe nestes países e o escasso acesso aos tratamentos, como vem agora o Papa com os seus sapatos vermelhos envernizados da PRADA dizer que o Preservativo não ajuda o combate a esta doença. Gostava era de saber se os senhores padres no vaticano quando andam a divertir-se e na boa vida, se não usam camisinha...

Robin K disse...

Ora aí está uma Instituição à maneira...

Posso-me juntar a ti?

Sónia disse...

Nem tenho palavras!!
Sinto-me no direito de os considerar assassinos!

ManUel disse...

também andam numa onda de mete nojo? não é uma onda, é um tsunami de mete nojo!!!

Andreia do Flautim disse...

Epah, realmente há algumas coisas que não batem bem...

Fabulosa disse...

a fila da excomunhão? é já ali, é só virar à esquerda. ;)

a Igreja católica devia evoluir se não quer continuar a perder fiéis na Europa, por exemplo. mas essa coisa do preservativo ainda vai ser uma coisa que vais dar pano para mangas...

ap disse...

Existem situações tão disparatadas que tornam-se dificeis de serem explicadas. A postura da Igreja nesta viagem é incompreensível.

Seamoon disse...

opahhh bom te ler de novo ! já tinha saudades...
Quanto aos comentários do papa,creio que a igreja só perde a pouca força que já tem,a idade média em que os detentores do conhecimento eram eles (e sabe deus como!)já lá vai e hoje em dia a resposta do mundo já se faz ouvir em novas formas.
É no minimo ridiculo...
quanto á fila excomunhão...olha eu fui "convidada" a deixar a igreja da terrinha ao 12 anos..lol e isto porque decidi discutir com um bispo visitante á catequese,em que nós não descendiamos do tal adão e eva,e se o senhor não tinha lido a teoria do darwin?
( na fila de trás o meu pai batia palmas llol)
lá está...de pequenina ..
podes sempre apanhar um bispo e discutir com ele lol,é excumunhão garantida!

beijos!

elisa disse...

arghhh, que nojo que me mete esse senhor empresário da instituição católica...Bem deveria mudar a técnica de marketing, arrisca-se a perder clientes.
E mais uma para a excomunhão!

Tite disse...

Acredito que a elisa tem razão ao alertar a Igreja que, com estas técnicas de marketing, corre o risco de perder clientela.

No que toca à excomunhão dos brasileiros exceptuando o violador tenho para mim que eles se querem auto-excluir duma excomunhão geral quando vierem a apurar quantos violadores de menores haverá na própria instituição.