quarta-feira, outubro 17, 2007

...

Parem o mundo que eu quero descer.


42 comentários:

wings disse...

Já passa, boneca.
Beijo grande.

AnaBond disse...

beijo.

Kiau Liang disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Kiau Liang disse...

O mundo não pára...




aproveita a vista, não foques a vida num ponto apenas...

mas que sei eu?...

Força...

Melahel disse...

como já dizia Freddie Mercury - the show must go on!...por mt que nos custe há sempre uma luz ao fundo do túnel!por isso, força!
vais ver q passa e não tarda mt tás a andar no carrocel outra vez!

Bjocas grande

Xana disse...

Era tão expectável, querida...
Beijo doce.

zeni disse...

Dá um tempo a ti própria...
Um dia após o outro...

(quem vos fala sabe alguma do assunto!)

mãe disse...

:/
coragem.
um beijo

pp disse...

Então mulher...estas a precisar de um mimo ou de uma pancada seca na nuca...???
:)*

Eduardo Lara Alves disse...

Se tiveres que saltar aqui estarei para te amparar a queda!

pp disse...

bem, fico pelo mimo
Beijinho miuda

ariana luna disse...

Como me disseste em tempos "Todos os corações têm janelas. Só há que descobri-las."

Procura-as no teu coração e olha para fora de ti. Lá fora o mundo está repleto de beijos à tua espera.

O fim-de-semana por estes lados vai ser animado. Queres aparecer?

um beijo grande

ariana luna disse...

De hoje em diante vou modificar
O meu modo de vida
Naquele instante que você partiu
Destruiu nosso amor
Agora não vou mais chorar
Cansei de esperar, de esperar enfim
E pra começar eu só vou gostar
De quem gosta de mim

Não quero com isso dizer que o amor
Não é bom sentimento
A vida é tão bela quando a gente ama
Tem um amor
Por isso é que eu vou mudar
Não quero ficar
Chorando até o fim
E pra não chorar
Eu só vou gostar de quem gosta de mim

Caetano Veloso

anonimo disse...

sozinha não ficas!
beijo

Catarina disse...

Foi das frases que mais me tocaram nos últimos tempos... Nem dá para imaginar como! Só posso dizer que tenho saudades desses sorrisos. Estranho dizê-lo a alguém que não se conhece realmente. Mas que interessa isso?
Não sei o que se passa, mas mesmo que o mundo não páre, a tempestade há-de passar...
Oxalá fiques bem. Fico a torcer por isso.

"Happiness isn't getting what you want. It is wanting what you've got..." - Garth Brooks

Diz-me disse...

Deixa descer. Alivia a alma :)

Anna^ disse...

Arranja aqueletempinho de que falámos.E não queiras descer;apanha outra boleia...ou não.

beijoca

morango disse...

Bem, foi do mais lindo e triste que já li nos ultimos tempos...
Força.

O que eu ouvi mto na minha adolescência "o que não nos mata torna-nos mais fortes..."

bjos

*abobora menina* disse...

um beijinho querida...no coração!!

Alba disse...

Rosa, pela vida fora vamos recolhendo lágrimas, pérolas,flores e sorrisos.
Tudo tem o seu tempo e às vezes é preciso sentir a dor para poder ultrapassá-la.
O mundo não para. Mas se estiveres atenta mostra-te que não estás sozinha. Que há muitos arco-iris que querem brilhar para ti. Aceita-os, Rosa. Quanto esse tempo chegar tu saberás.
Um beijinho muito grande!

ana disse...

um xi, rosita. uma festinha na cabeça e um miminho.
vai ficar tudo bem!

Pi disse...

:(
Deixa descer... todas. Devagarinho...
Depois respira fundo. Conta até 10. Quando tiveres coragem abre de novo os olhos...
Estaremos aqui...
:)

Beijo

Richie disse...

Reparei no teu sorriso, ao lado vi a lágrima, esse contraste tocou-me, lembrei-me da Vida, dos seus ciclos e momentos, das emoções que vivemos e como tudo se renova e regressa.

Achei também que o sorriso e a lágrima estavam, felizmente, no lugar certo, embora a lágrima seja triste, está apenas num momento do caminho. Que em breve retomarás, sorrindo!

Força!!!

Beijinho solidário

elisa disse...

Dá vontade às vezes....ou de poder reescrever momentos, voltar para trás.
Fica um um beijo grande.

Simone disse...

...Sem Palavras...
Beijinhos

joaninha disse...

entao rapariga?! isso e q nao pode ser! animo!

*beijinho*

yulunga disse...

Isso de descer com o mundo em movimento é mais ou menos como saltar de um comboio em andamento.
Depois de umas quedas valentes fica-se um expert na coisa.
Beijinho :-)

Lu.a disse...

Join the club! :(

Bitchoman disse...

Ouve Rosita, pede é a quem nós sabemos que te leve aos cocktails e pede um Long Island Iced Tea com champanhe...o resultado é fantástico! Acredita em mim...qq coisa, dá noticias.
Fica bem (ou tenta)
Bjo

Pedro Viegas disse...

Rosa,
Quem escreve como tu, sente como tu, vive como tu, torna doces as palavras amargas e solarengas as tormentas. Quem estimula e adocica lagrimas dos outros, quem alegra quotidianos e torna unicas as brisas suaves, só tem que levantar a cabeça,enxugar as lágrimas, abanar a mágoa, arranjar-se bem e sair para apanhar o ar da vida pois amanhã será outro dia.

Deixo-te este simples texto de uma alma simples...

... Em 1000conversas...
++++++++++++++++++++++++++++++

São tuas as histórias sem nome e sem rosto…

Palavras que lês sofregamente e me fazes perder num deserto de emoções.

Tiveste-me como uma miragem! Tocas-te e desvaneceste
(Não eu! a imagem que querias ver em mim!)

Procuras e não vês, eu vejo que não vês, mas tu não vês nada de mim.

Quando te olho não preciso de palavras

Quando te oiço não preciso da tua presença

São tuas as histórias sem nome e sem rosto…
Tal como as flores em que mexes e exalam perfume que te acompanha
Como folhas no coração.

Por não me quereres ouvir…
Morderás teus lábios deslumbrados e saberás a sangue dos sentidos

Lábios sedentos que tocaram no mais fundo do âmago e encontraram
Palavras escritas por mim.

Porque esperas meu Deus,
Para me cravares de palavras petrificadas
De sangue que jorra como lava
Por dentro de mim como vulcão.

Porque me tornei efígie de sal
Como mito, aguarela de espanto
E “obrigo” outros a ouvir-me e a entender o que sonho.

Para mim traço desafio… por querer tanto
Dou o peito às balas com incenso e encanto.

E prendem-me língua, seguram-me dedo
amarrotam-me a alma e censuram a escrita
Proíbem palavras.

Lanço-me então ao céu em asas
E esvoaço entre nuvens de ciprestes
Como Anjo.

Fui
Esfumei
Perdi-me em nuvens ancestrais penduradas em arco-íris.

São tuas as histórias sem nome e sem rosto…

Quando te olho não preciso de palavras
Quando te oiço não preciso da tua presença

Quando me lês não precisas de mim
Porque tantas vezes me silencio e são tão poucas as pessoas que sabem…
Chegar a mim…!

Eva Luna disse...

não vai parar, mas tu vais correr mais! Tenho a certeza!

andorinha disse...

Deixo-te, apenas, um beijo grande:)

Inês disse...

Não sei se algum dia comentei este blog apesar de o ler todos os dias. Só queria dizer que a frase que escreveste para definir o que se passa por aí, é absolutamente perfeita.

Mood disse...

Curioso o que cada um leva dos textos. Gostei da afirmação. Algumas vezes ao andar de eléctrico também me apeteceu tocar a campainha para descer. Aquilo ia depressa demais para o percurso, que merecia uma coisa bem mais demorada. Beijinho Rosa

LopesCa disse...

Jinhos animadores e bom fim-de-semana.
^..^

Cristina disse...

:/

beijinho

Fábula disse...

não é o que todos queremos? ;)

Daniel Aladiah disse...

Querida Rosa
Eheheheh, boa! Mas para onde?
Um beijo
Daniel

Mary disse...

Um beijo querida

Um dia fecha-se todas as portas,
No outro dia começa a se abrir uma janelinha e no dia seguinte abre-se uma porta.
Uns dias em Baixo outros em cima.
Por isso , viver dia após dia devagarinho, um dia vais ter tudo o que mais desejas, paz e amor.


Um beijão

Isa

P disse...

Eu nem te conheço, mas já te leio há tanto tempo que olha...um grande beijo e um abraço fechado!

O bom é que...o mundo não pára.

Força.

J disse...

Rosita, como te entendo... Mais do que conseguir parar o mundo, adorava que ele fizesse marcha-atrás, mas como não faz temos de aprender a dar a volta por cima, e tu, tanto quanto já li/percebi, és perita nisso.
Um beijo

Catarina disse...

Como estás depois destes dias passados? Melhor? Oxalá!