sexta-feira, fevereiro 16, 2007

Das mudanças

Mudei de trabalho. De local de trabalho, não de profissão. Quer dizer, nem sequer mudei bem de local, ou melhor, sim, mudei de sala. Bom, mudei de revista, essa é que é essa! Foi uma decisão minha, bastante amadurecida e pensada, pelo que estou feliz. Adoro de paixão a minha “bebé” e as minhas coleguinhas, e tudo e tudo, mas estava um bocado cansada. Já lá iam quatro anos… Nunca trabalhei tanto tempo no mesmo sítio! Mudar é bom. Claro que há pessoas que custa deixar, mas, no geral, fico sempre tão entusiasmada com um novo projecto (e, desta vez, vieram logo em trio!) que ultrapasso a nostalgia com facilidade. E as minhas meninas estão logo ali, ao fundo do corredor :)
Ainda assim, se um dia destes me virem a coçar os tomates, ou qualquer coisa parecida, não estranhem. É que, para além do facto já mencionado nestas páginas de já só me “restarem” amigos do sexo masculino, esta mudança de trabalho trouxe-me de regresso a um mundo de homens. Deixei as princesas e juntei-me aos ogres! Dêem-me mais umas semaninhas, e vão ver como já não consigo escrever um post sem um “f***-se” em cada frase. [Miúdos, vocês sabem que eu vos adoro, certo? :)*]

24 comentários:

peace_love disse...

Mudar é bom! Estou para ver isso do f***-se..aiai

Bom fim-de-semana!maluka

peace_love disse...

ups,aquele maluka foi sem querer! Raio das páginas passam assim de uma para outra sem mais nem menos..

Eduardo Lara Alves disse...

Mudança associada a felicidade parece-me muito bem mesmo! Quando se muda assim não se deixam coisas (pessoas) para trás, apenas se juntam mais algumas. Mas ogres....? ;)

andorinha disse...

Parabéns, miúda:)
É bom sentir-te assim...
Bom fds.

MeninaDoMar disse...

Desde que seja uma mudança positiva,vale a pena!Beijinhos

Minerva McGonagall disse...

Estás aqui estás a participar em concursos de peidos!

Espero que tudo corra bem nesse novo projecto!

claudia disse...

Nos dias que correm já é preciso coragem!
Felicidades para esse novo desafio!
;)

P. disse...

eheh
embora seja do conhecimento púbilco que os homens são umas cuscas, não é demias relembrar que vais ficar a saber as novidades todas;)

João Filipe Ferreira disse...

uma mudança faz sempre bem..e sempre para melhor!!

espero que andes bem feliz e cheia de energia:)
beijinho enorme sorrisinho:)

Eva Luna disse...

BOA SORTE!!!! :o)

Llew disse...

ogres e gorilunfos!!! Vais aprender também a falar sobre o jogo do Benfica no fim-de-semana (do resto nao vale a pena falar... é demasiado mau), vais aprender a comentar o rabiosque das meninas que passam e a bela da prateleira, e ainda vais saber falar de motos!

izzolda disse...

Que corra tudo bem! Ainda vais mas é transformar um bocadinho esses ogres, não? ;) Boa semana**

LopesCa disse...

Parabéns, pela mudança.
Quanto aos Ogres ... eu trabalho com homens e é muito bom :)

Cláudia Cunha disse...

Espertinha... ;D

Teresa disse...

Felicidades, então! :)

Eu também trabalho só com homens... e recomendo ;)

guga disse...

Boa! Este ano está toda a gente a mudar e ainda bem. Tens de nos dizer onde trabalhas agora para podermos apreciar os teus textos.

bjs Sandra

wings disse...

Vais arrasar, boneca ;o)

Cusco disse...

Pela experiencia que tenho, acho que as mulheres trabalham melhor com homens do que quando são muitas juntas...! Por isso acho que é uma melhoria..

bjs

Até breve e
Bom Carnaval

AnaBond disse...

mudar é óptimo, principalmente quando nos sentimos bem...

daqui a umas semaninhas logo veremos ;)

Daniel Aladiah disse...

Certo...
Um beijo
Daniel

Gringa disse...

Há mto tempo que frequento o teu blog... portanto tomei a liberdade de te adicionar na minha sidebar!
Qualquer coisa em contrario é favor avisar-me!
o meu blog é http://sempreemmovimento.blog.com
Tenho de usar um da blogspot emprestado para poder por coments aki pk nao dá por com o meu blog!

Lu.a disse...

Mudar é bom...!
Só espero que os teus colegas de trabalho homens não sejam tão "batatas" como os meus!

Boa sorte! :)

Cristina disse...

força!

Zé Bastos disse...

Será que ainda gostas mesmo de nós, "ogres"?