segunda-feira, agosto 28, 2006

E outros em que acho...

... certíssimas as palavras desta canção:

Save the night, save the day
Save the love, come what may
Love is worth everything we pay


(I want to spend my lifetime loving you – Tina Arena e Marc Anthony)

Dá para ser um nadinha mais coerente???

28 comentários:

elisa disse...

A incoerência é o seu quê de charme;)!
Beijocas

elisa disse...

*tem

pp disse...
Este comentário foi removido por um gestor do blogue.
pp disse...

Bom dia Rosinha,
pois assim é diferente....uma pessoa assim pode "vestir" o que melhor lhe convier...:)

:)*

particula-RG disse...

Se for mesmo só "um nadinha"...
Talvez se arranje qualquer coisa...

Ou não!

Olga Correia disse...

Coerente? O amor? Nem pensar. É pedir muito.
A única coerência necessária é manter o lema: "Save the love, come what may".
:)

abox disse...

amor e coerência geralmente não andam aos pares...
;)

Tiago Franco disse...

Não, não dá :)

P. disse...

eheh
é mm assim;)

scaf disse...

Coerência é uma coisa um bocado chata não achas? :)

Som do Silêncio disse...

Claro que não dá!
;-)

SUSHISTICK disse...

Olha! E pelo meio passou um fim de semana! :P

Xana disse...

Gosto mais quando estás nestes dias, amiga! E vê lá que até consigo adivinhar porque é que esta ideia que hoje achas certíssima surgiu associada a uma canção do Marc Anthony... ;)
(PS: Achas mesmo que consegues esconder-me alguma coisa?)

guga disse...

Pois, ele há dias assim...

bjs Sandra

Gorduchita disse...

coerente não combina com "love"!!

MIN disse...

Assim deixas a malta baralhada!

marta disse...

Eh eh eh! Ao menos hoje estás um bocadinho mais positiva! ;)

Mãezite disse...

Tu estás é apaixonadíssima!! É o que é!!

Nes disse...

Não estará o teu coraçaozito a ficar cor de rosa?

al disse...

sabes que pimbalhada basta que rime

Desinformador disse...

what da hell... que se lixe a coerência!

Tita disse...

afinal ainda se sonha por ai...!
ainda bem =)

Jorge disse...

Parece-me natural que assim seja, princesa. Não estás a ser incoerente, apenas humana ;)

diz-me... disse...

rosa, why fall in Love?

Why in love many will never know.
While only a select few let it show.

Sometimes you understand love, most times you don't.
Some people find love, most people won't.

Without love we wouldn't be here today.
But love is not a game you want to play.

Love someone because it's something you really want to do.

Don't just be in love because you felt it from the start.
If you love somebody make sure they love you back.
Don't just let them have your heart and run like that.

Fall in love because love can be sweet.
Fall in love because this may be the best person you'll meet.

[desconheço o autor...mas a definição do Love está lá.]

Lu.a disse...

hhhuummmm...coerência e amor...não combinam lá muito bem, pois não? ;)

Olga Correia disse...

Rosa, tens um poema para ti no meu blog.
:)

izzolda disse...

A mim até me parecem dois ditos bastante coerentes. Por mais incoerente que esta frase até possa soar ;) Boa semana***

magarça disse...

O amor quer-se incoerente e desalinhado.